terça-feira, 26 de abril de 2011

Questionário

01- Para os behavioristas qual o objeto de estudo da psicologia e como é caracterizado?
Para o behaviorismo o objeto de estudo da psicologia o comportamento. O behaviorismo caracteriza-se pelo estudo da interação entre os eventos ambientais e o comportamento do individuo, ou seja, estuda os estímulos e as respostas através da observação objetiva.
02- Qual ou quais as diferenças entre behaviorismo metodológico e behaviorismo radical? No behaviorismo metodológico a principal preocupação são os métodos das ciências naturais, onde o ambiente refere-se apenas as condições externas e o sujeito é caracterizado apenas como um organismo semelhante a qualquer outro animal, assim o behaviorismo metodológico nega as emoção e sentimentos do indivíduo. O behaviorismo radical foca nas explicações científicas através de experimentos e desenvolvimento de termos e conceitos científicos, de acordo com essa linha de pensamento o comportamento humano é algo que está sempre mudando.
03- Explique o condicionamento respondente.É um tipo de interação em que a resposta é emanada imediatamente após o estimulo, o comportamento é involuntário a certos estímulos, por exemplo, quando contraímos e dilatamos a pupila dos olhos devido a mudança da luminosidade.
04- Explique o condicionamento operante.O condicionamento operante é aquele em o aprendizado ocorre naturalmente, é modelado através das ações que se tem em determinadas ocasiões, essas ações (respostas) tem consequência sobre a probabilidade de acontecer novamente,o condicionamento operante é o aprendizado que ocorre naturalmente e voluntariamente
.05- Diferencie:
  • Reforçamento positivo e reforçamento negativo
O reforçamento positivo é todo evento que aumenta a probabilidade futura da ação (resposta) que produz a consequência ocorrer novamente,esse aumento da probabilidade de nova ocorrência se da pela presença de uma recompensa. O reforçamento negativo retira um estimulo que cause desconforto após a obtenção da resposta que se pretende.
  • Reforçamento negativo e punição
No reforçamento negativo, após a resposta pretendida há a retirada de um estimulo que provoque o desconforto, já a punição se aplica quando há um comportamento que não se pretende, a punição é aplicada com o intuito de que esse comportamento seja suprimido.
  • Punição e extinção
A punição é procedimento que reduz a probabilidade do comportamento, o seu objetivo é a extinção do comportamento que está sendo punido, normalmente essa extinção do comportamento é temporária e não altera a motivação. A extinção é um procedimento utilizado para que certas respostas deixem de ser emitidas.
  • Fuga e esquiva
A fuga é processo no qual o comportamento reforçado é aquele que termina com um estimulo aversivo já em andamento. A esquiva é um processo no qual os estímulos aversativos condicionados e incondicionados estão separados por um intervalo de tempo apreciável, permitindo que o individuo execute um comportamento que previne a ocorrência ou reduza a magnitude do segundo estímulo.
  • Generalização e discriminação
Generalização é quando estímulo controla uma resposta devido ao reforço na presença de um estímulo diferente só que semelhante. Na Discriminação o indivíduo aprende a discriminar estímulos quando uma resposta se mantém na presença de um estímulo, mas sofre certo grau de extinção na presença de outro, ou seja, um estímulo pode ser reconhecido como discriminativo de uma situação de reforço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário